DORES DO INDAIÁ
21º MIN     33º MAX

Vice-presidente do WSOF acredita que Toquinho deveria encerrar carreira: Ele precisa de ajuda

Dirigente aconselha tratamento ao mineiro: Quero ver esse ser humano fazer o bem

Postado em: 31 de agosto de 2015

Com histórico nas artes marciais mistas repleto de polêmicas, Rousimar ‘Toquinho’ Palhares vive momento complicado na carreira. O mineiro de Dores do Indaiá foi suspenso pela Comissão Atlética  de Nevada por comportamento desleal na luta contra Jake Shields, ao segurar a finalização apesar de desistência do adversário e interferência do árbitro, e ainda teve cinturão dos meio-médios do World Series of Fighting retirado. Segundo o vice-presidente do WSOF, Ali Abdel-Aziz, Toquinho, que é reincidente em atitude antidesportiva, deveria passar por tratamento psicológico e não lutar novamente. 

“Palhares fez isso para ele mesmo e continua fazendo isso. Eu não acho que ele deveria pensar em lutar mais. Ele deve pensar em seu bem-estar. Ele deve pensar em seu estado mental. O cara precisa de alguma ajuda. Eu não sei que tipo de ajuda que ele precisa , mas ele precisa de ajuda séria”, comentou o dirigente, em entrevista ao  MMA Fighting. 

Em 2013, Toquinho foi demitido do UFC, exatamente, por segurar a finalização em um adversário, Mike Pierce. Dois anos antes, ele já havia sido acusado de deslealdade na vitória sobre o polonês Tomasz Drwal, pelo mesmo motivo. Apesar dos problemas no Ultimate, Ali Abdel-Aziz bancou a contratação do brasileiro depois de conversa com Rodrigo Minotauro. O mandatário da organização ressalta que o estafe do lutador da Team Nogueira deveria se preocupar com a situação e procurar ajudá-lo. 

“Eu coloquei meu pescoço e fui esmagado por ter sido a pessoa que o contratou. Ele não me deixa orgulhoso. A razão por ter contratado ele foi porque conversei com Minotauro, treinador dele. A sua equipe de gestão tem de pensar como consertar a vida desse cara. Eu não estou nem preocupado com ele mesmo lutando no World Series of Fighting novamente. Ele nunca poderia lutar novamente. Eu quero ver esse ser humano fazer bem na vida, porque ele precisa consertar alguma coisa. Ele é um grande cara, eu realmente gosto muito dele, mas ele tem que corrigir alguma coisa na vida dele”, afirmou. 

Toquinho está suspenso temporariamente pela Comissão Atlética de Nevada. A punição do mineiro será determinada em audiência disciplinar na entidade, provavelmente em 14 de setembro. O presidente do WSOF, Ray Sefo, chegou a declarar que a continuidade do brasileiro na organização está ameaçada depois do episódio na luta contra Jake Shields.

Fonte: Superesportes

Anuncie Aqui

Curta nossa fanpage no Facebook! Siga-nos no Twitter Siga-nos no Instagram

Copyright 2006 - 2017 - Todos os direitos reservados

CURTA A FANPAGE DO PORTAL DERIKS.NET

VISITANTE Nº: 1.334.075